quinta-feira, 4 de outubro de 2012

O PREÇO DA TRAIÇÃO


O PREÇO DA TRAIÇÃO
 (JUDAS PERDOADO OU NÃO?).
DEUS avaliou o homem e deu seu único filho pela humanidade, essa foi à avaliação de DEUS.
A avaliação do homem para com DEUS foram 30 moedas de prata.

Claudio Alves de Oliveira
Bom vamos iniciar, este, digamos, esclarecimento sobre a vida de Judas Iscariotes, haverá muitos assuntos, mas nos focaremos no preço da traição.
Muitos acham que Judas deveria ser perdoado, outros acham que ele foi usado, outros manipulados e assim por adiante.
Vamos tentar esclarecer alguns pontos, depois tire a sua conclusão e comente.

Quem foi Judas?
Há pelo menos três homens chamados Judas no Novo Testamento, mas o mais famoso é o Judas Iscariotes (em João 6:71, ele é descrito como o filho de Simão Iscariotes). Judas Iscariotes foi um dos 12 apóstolos mais próximos de Jesus, e foi com ele na Última Ceia.
Vamos verificar como cada um dos evangelhos fala de Judas cada um teve sua versão, Mateus, João, Marcos na época viram de perto todos os acontecimentos, mas Lucas nesse tempo ainda nem era cristão, porém seu livro é considerado o livro que se encontra mais em ordem, nos relatos do Senhor Jesus.
Vamos lá começando com João o mais próximo do mestre.
Segundo  João: 6
68 Respondeu-lhe Simão Pedro: Senhor, para quem iremos nós? Tu tens as palavras da vida eterna.
69 E nós já temos crido e bem sabemos que tu és o Santo de Deus.
70 Respondeu-lhes Jesus: Não vos escolhi a vós os doze? Contudo um de vós é o diabo.
71 Referia-se a Judas, filho de Simão Iscariotes; porque era ele o que o havia de entregar, sendo um dos doze.
Capítulo 18
1 Tendo Jesus dito isto, saiu com seus discípulos para o outro lado do ribeiro de Cedrom, onde havia um jardim, e com eles ali entrou.
2 Ora, Judas, que o traía, também conhecia aquele lugar, porque muitas vezes Jesus se reunira ali com os discípulos.
3 Tendo, pois, Judas tomado a coorte e uns guardas da parte dos principais sacerdotes e fariseus, chegou ali com lanternas archotes e armas.
4 Sabendo, pois, Jesus tudo o que lhe havia de suceder, adiantou-se e perguntou-lhes: A quem buscais?
5 Responderam-lhe: A Jesus, o nazareno. Disse-lhes Jesus: Sou eu. E Judas, que o traía, também estava com eles.
6 Quando Jesus lhes disse: Sou eu, recuaram, e caíram por terra.

Mateus
19 E os discípulos fizeram como Jesus lhes ordenara, e prepararam a páscoa.
20 Ao anoitecer reclinou-se à mesa com os doze discípulos;
21 e, enquanto comiam, disse: Em verdade vos digo que um de vós me trairá.
22 E eles, profundamente contristados, começaram cada um a perguntar-lhe: Porventura sou eu, Senhor?
23 Respondeu ele: O que mete comigo a mão no prato, esse me trairá.
24 Em verdade o Filho do homem vai, conforme está escrito a seu respeito; mas ai daquele por quem o Filho do homem é traído! bom seria para esse homem se não houvera nascido.
Marcos
E Judas Iscariotes, um dos doze, foi ter com os principais dos sacerdotes para lho entregar.
E eles, ouvindo-o, folgaram, e prometeram dar-lhe dinheiro; e buscava como o entregaria em ocasião oportuna.
Marcos 14:10-11
E, chegada a tarde, foi com os doze.
E, quando estavam assentados a comer, disse Jesus: Em verdade vos digo que um de vós, que comigo come, há de trair-me.
E eles começaram a entristecer-se e a dizer-lhe um após outro: Sou eu? E outro disse: Sou eu?
Mas ele, respondendo, disse-lhes: É um dos doze, que põe comigo a mão no prato.
Na verdade o Filho do homem vai, como dele está escrito, mas ai daquele homem por quem o Filho do homem é traído! Bom seria para o tal homem não haver nascido.
Marcos 14:17-21
E voltou terceira vez, e disse-lhes: Dormi agora, e descansai. Basta; é chegada a hora. Eis que o Filho do homem vai ser entregue nas mãos dos pecadores.
Levantai-vos, vamos; eis que está perto o que me trai.
E logo, falando ele ainda, veio Judas, que era um dos doze, da parte dos principais dos sacerdotes, e dos escribas e dos anciãos, e com ele uma grande multidão com espadas e varapaus.
Ora, o que o traía, tinha-lhes dado um sinal, dizendo: Aquele que eu beijar, esse é; prendei-o, e levai-o com segurança.
E, logo que chegou, aproximou-se dele, e disse-lhe: Rabi, Rabi. E beijou-o.
E lançaram-lhe as mãos, e o prenderam.
Marcos 14:41-46

Lucas
Estava, pois, perto a festa dos ázimos, chamada a páscoa.
E os principais dos sacerdotes, e os escribas, andavam procurando como o matariam; porque temiam o povo.
Entrou, porém, Satanás em Judas, que tinha por sobrenome Iscariotes, o qual era do número dos doze.
E foi, e falou com os principais dos sacerdotes, e com os capitães, de como lho entregaria;
Os quais se alegraram, e convieram em lhe dar dinheiro.
E ele concordou; e buscava oportunidade para lho entregar sem alvoroço.
Lucas 22:1-6
E, tomando o pão, e havendo dado graças, partiu-o, e deu-lho, dizendo: Isto é o meu corpo, que por vós é dado; fazei isto em memória de mim.
Semelhantemente, tomou o cálice, depois da ceia, dizendo: Este cálice é o novo testamento no meu sangue, que é derramado por vós.
Mas eis que a mão do que me trai está comigo à mesa.
E, na verdade, o Filho do homem vai segundo o que está determinado; mas ai daquele homem por quem é traído!
E começaram a perguntar entre si qual deles seria o que havia de fazer isto.
Lucas 22:19-23

O que Judas fez?
Você já sabe ele traiu a Jesus, segundo relato de Lucas tudo foi premeditado, ele procurou o momento certo esperou a hora certa, como esta escrito, sem alvoroço, pra quem sabe um pouquinho de psicologia isso é perfil de uma mente um tanto criminosa.
Mas isso é só uma opinião, ao homem DEUS lhe deu o direito de escolher, o famoso livre arbitro, as vezes não sabemos escolher a coisa certa, o momento certo, na verdade eu acho que isso é uma arma na mão de quem não sabe fazer a escolha certa.

Judas fez a sua escolha.
Mas por quê? Por que trair, vender por 30 moedas de prata o filho de DEUS será que ele não sabia quem era o Sr. Jesus? Ele conhecia, convivia com Ele, andou com Ele, viu os milagres, as multiplicações, os ensinos, teve o privilégio que nenhum de nós hoje não tivemos nem em sonho.  
Poderia ser ele só um convencido, não convertido de alma e coração, quem sabe? O que sabemos foi o aviso dado pelo próprio Jesus Cristo, ai daquele por quem o filho do homem for traído, melhor que não fora nascido. Ele foi avisado, sim foi avisado, mas ele prosseguiu com seu intento e acabou como todos sabem.
Inimigos do Mestre, além de Judas.
No momento em Jerusalém viva dias de grande motivação, festa dos judeus a páscoa, os romanos evitando confusão, não queriam se intrometer muito nos problemas da região, principalmente se o tal problema fosse religioso, mas o Sr. Jesus fizera muitos inimigos, entre eles os sacerdotes da época que ministravam nas sinagogas, tinham o Senhor como uma pedra no sapato, se ele morresse resolveria seus problemas.
Cai fás era uma grande ameaça, mas tinha a seita dos fariseus que odiavam o Sr. Jesus ainda mais, no seu ultimo encontro o Sr. Humilhou eles em públicos, quando perguntaram a Ele se era correto dar tributos a Cézar, o Mestre já conhecendo que era uma armadilha, pediu a eles uma moeda que um dos fariseu entregou a Ele, que lhes perguntou de quem é essa esfinge ou inscrição, eles responderam “César”, a resposta que eles esperavam era diferente da que Ele deu, dai a César o que é de César e DEUS o que é de DEUS. Deixara-os sem resposta, o ódio dos fariseus cresceu ainda mais. Herodes Antipas filho do Herodes aquele rei da Judéia que mandou matar todas as crianças com menos de 02 anos depois que os reis magos voltaram por outro caminho e não avisaram Herodes onde se encontrava o menino Jesus.
Poncio Pilatos governador romano na época, mas segundos os relatos bíblicos não era o grande perigo, ele segundo o que vemos tentou evitar o pior, mas a força do povo que queria o Sr. Jesus crucificado era grande, não foi possível evitar o inevitável, mesmo lavando as mãos, mostrando ao povo que era um inocente que estava ali, aquele Homem não devia nada, com último recurso ele colocou Barrabás no meio, deixando que o povo escolhesse a população já motivada pelos sacerdotes, fez a sua escolha.
Essa escolha feita naquele dia afeta todos nós até hoje, a maioria dos seres humanos no mundo ainda faz a sua escolha, Barrabás, a mesma escolha de Judas.
Por que Judas traiu Jesus?

No Evangelho de Mateus, quando Judas vai para os chefes dos sacerdotes, ele pergunta: "O que você vai me dar se eu entregar [Jesus] para você?" (26:15). Este versículo sugere Judas traiu Jesus por ganância . No Evangelho de João, depois de Jesus dá a Judas, o pedaço de pão molhado ", entrou nele Satanás" (13:27). Este versículo sugere espírito de Satanás entrou em Judas e levou a fazer o mal.
Como já foi dito Judas foi avisado, sabia da consequência se realizasse o ato, melhor que não fora nascido. Mas mesmo assim ele vendeu, traiu em troca de 30 moedas de pratas, não era nada dava somente pra comprar um campo de oleiro.
Ele era um dos doze, sim, mas deixou satanás tomar o seu coração, Pedro por duas vezes também foi tentado pelo tal, mas Jesus o defendeu, Disse também o Senhor: Simão, Simão, eis que Satanás vos pediu para vos cirandar como trigo;
Mas eu roguei por ti, para que a tua fé não desfaleça; e tu, quando te converteres, confirma teus irmãos
Lucas 22:31-32
Mas em seguida Pedro recebe a noticia que iria negar Ele três vezes antes que o galo cantasse, mas quando Pedro cai em si saiu chorando em desespero, mas há uma diferença em trair e negar, (trair: Enganar perfidamente, atraiçoar: trair um amigo.
Faltar ao cumprimento de: trair seus juramentos.
Revelar: trair um segredo. Deformar, não traduzir com fidelidade: trair o pensamento de alguém. Não ajudar, abandonar: suas forças traíram-no),
 (negar: Afirmar que uma coisa não existe, não é verdadeira.
Contestar, contradizer, desmentir, refutar, retratar, renegar.v. i.
Dizer que (uma coisa) não é verdadeira ou que não existe. Afirmar que não,
relativamente a (alguma coisa). Rejeitar, recusar: negar responsabilidades.
 Não permitir; proibir: negar licença. Não reconhecer. Repudiar. (Desmentir).
Comparando as duas palavras vê um peso muito maior na palavra trair, Pedro o negou, mas correu atrás do perdão e alcançou, quando Maria Madalena e Maria mãe de Tiago e Salomé foram ao sepulcro ver o corpo do Sr. Jesus Ele já havia ressuscitado e receberam a noticia do anjo: Ele, porém, disse-lhes: Não vos assusteis; buscais a Jesus Nazareno, que foi crucificado; já ressuscitou, não está aqui; eis aqui o lugar onde o puseram.
Mas ide, dizei a seus discípulos, e a Pedro, que ele vai adiante de vós para a Galiléia; ali o vereis, como ele vos disse.
E, saindo elas apressadamente, fugiram do sepulcro, porque estavam possuídas de temor e assombro; e nada diziam a ninguém porque temiam.
Marcos 16:6-8  
Nem precisa comentar Pedro perdoado.
Jesus sabia que Judas iria traí-lo?

Sim. Jesus sabia que iria morrer e que ele seria traído por um dos seus próprios. Na Última Ceia, Jesus revela esse fato aos seus 12 apóstolos: "Em verdade, eu vos digo, um de vós me trairá" (Mateus 26: 21). No Evangelho de Mateus, quando seus apóstolos perguntar quem é, Jesus responde: "Aquele que mergulhou a mão no prato comigo, vai me trair" (v. 23). Quando os apóstolos se revezam pedindo que, Judas pergunta: "Será que eu, Mestre?" Jesus responde: "Tu o dizes" (v. 25). O Evangelho de João fornece um relato mais detalhado. Jesus revela Judas é o traidor, dizendo: '. É aquele a quem eu der esse bocado quando' " Então, quando ele tinha mergulhado o bocado, o deu a Judas, filho de Simão Iscariotes ... Jesus disse-lhe: 'O que você vai fazer, faze-o depressa ". Agora, ninguém na mesa sabia por que ele disse isso a ele "(João 13:26-28). Enquanto é assumido que os outros apóstolos não sabia sobre a traição de Judas, Jesus definitivamente sabia.
Tudo precisava se cumprir a risca conforme o que estava escrito, é obvio que o Sr. Jesus sabia que Judas o trairia, e como agora você lendo esses relatos, DEUS já sabia que você iria ler antes mesmo de eu escrever isso, pra Ele não tem tempo, não tem hora, não tem minuto, o que estamos vivendo neste momento Ele já viu. Mas o Senhor Jesus ainda que sabia que seria traído, que seria vendido, entregue nas mãos dos homens, Ele precisava ir até o fim, porque Judas não era um empecilho, o objetivo maior era vencer a morte e o inferno, era preciso que tudo cumprisse, não foi fácil, quando chegou em Jerusalém chorou sobre ela, E, quando ia chegando, vendo a cidade, chorou sobre ela:
Dizendo: Ah! se tu conhecesses também, ao menos neste teu dia, o que à tua paz pertence! Mas agora isto está encoberto aos teus olhos.
Porque dias virão sobre ti, em que os teus inimigos te cercarão de trincheiras, e te sitiarão, e te estreitarão de todos os lados;
E te derrubarão, a ti e aos teus filhos que dentro de ti estiverem, e não deixarão em ti pedra sobre pedra, pois que não conheceste o tempo da tua visitação.
Lucas 19:41-44
Depois a noite da traição, onde a angústia foi tão grande que seu suor transformou-se em sangue, então chega Judas com soldados representantes dos sacerdotes e principais do povo e saudando com o ósculo santo dando o sinal aos soldados que aquele era Jesus Cristo, foi dito a Judas essas palavras “Judas com um beijo me trai”, como que ao pé do ouvido, quem sabe só ele ouviu isso, aquilo era uma espada que estava entrando em Judas bem devagar, ele se arrependeu tentou devolver as moedas, mas ninguém mais o ouvia, na sua mente por certo só passava as ultimas palavras ditas por Jesus “com um beijo me trai”, enquanto Judas sofria dum lado o Senhor Jesus sofria muito mais do outro lado, foi condenado, crucificação se fosse hoje seria uma pena de morte, do tipo a cadeira elétrica, mas que mataria a pessoa em dois dias, a crucificação era assim a pior morte que um ser humano poderia ser submetido, o crime mais hediondo. Era a morte por asfixia, pendurado na cruz não podia baixar a cabeça, toda vez que a cabeça baixava o diafragma se fechava impossibilitando a  respiração, mais os pregos nas mãos e pés, uma coroa de espinho na cabeça, fazendo perder sangue, não tem como explicar esses momentos tão cruéis, não há palavras.
Judas nem imaginava isso, talvez ele quisesse que Israel fosse libertado do poder de Roma, mas foi avisado, estava num caminho sem volta.

O que fez depois Judas assim que  Jesus morreu?

Segundo o Evangelho de Mateus, Judas arrependeu-se de sua traição (27:4 - "Pequei, entregando sangue inocente") e tentou retornar a prata aos sumos sacerdotes, atirando as moedas no chão do templo. Em seguida, ele cometeu suicídio por enforcamento.

Os chefes dos sacerdotes levou o "dinheiro de sangue" (v. 6) e comprou o campo do oleiro para enterrar os estrangeiros. O campo se tornou conhecido como o "Campo de Sangue" (v. 8).

O livro de Atos oferece uma conta diferente do que aconteceu com Judas. Diz-se que Judas comprou um campo e caiu de cabeça em campo, onde "todas as suas entranhas se derramaram" (1:18).
Judas se enforca comete o suicídio, de certa forma para quem tira a própria vida a condenação é assim:
A Quem vencer, herdará todas as coisas; e eu serei seu Deus, e ele será meu filho.
Mas, quanto aos tímidos, e aos incrédulos, e aos abomináveis, e aos homicidas, e aos fornicadores, e aos feiticeiros, e aos idólatras e a todos os mentirosos, a sua parte será no lago que arde com fogo e enxofre; o que é a segunda morte.
Apocalipse 21:7-10]
Esse eu diria condenou-se, mas como fiz uma pesquisa para saber os que as pessoas achavam se Judas merecia o perdão ou não a maioria respondeu que ele foi perdoado ou merecia o perdão, quem somos nós para julgar, vamos deixar uma coisa clara, que comete o crime não é condenado por ninguém, mas o seu ato criminoso o condenou, as vezes ninguém viu o crime que ele cometeu, não tem provas, nem uma testemunha, mas DEUS viu, e Ele é justo, não tem o culpado como inocente e nem o inocente como culpado.
Mas DEUS é amor, isto mesmo DEUS é amor, então Ele perdoou a Judas?
Que você acha?
Bom eu já ouvi muitas resposta e a maioria delas e que sim, que Judas foi um coitado, usado, manipulado, não se esqueça do que está escrito, aquele que é nascido de DEUS o diabo não lhe toca:
Filhinhos, ninguém vos engane. Quem pratica justiça é justo, assim como ele é justo.
Quem comete o pecado é do diabo; porque o diabo peca desde o princípio. Para isto o Filho de Deus se manifestou: para desfazer as obras do diabo.
Qualquer que é nascido de Deus não comete pecado; porque a sua semente permanece nele; e não pode pecar, porque é nascido de Deus.
Nisto são manifestos os filhos de Deus, e os filhos do diabo. Qualquer que não pratica a justiça, e não ama a seu irmão, não é de Deus
1 João 3:7-10
Meus irmãos, não vos maravilheis, se o mundo vos odeia.
Nós sabemos que passamos da morte para a vida, porque amamos os irmãos. Quem não ama a seu irmão permanece na morte.
Qualquer que odeia a seu irmão é homicida. E vós sabeis que nenhum homicida tem a vida eterna permanecendo nele.
Conhecemos o amor nisto: que ele deu a sua vida por nós, e nós devemos dar a vida pelos irmãos.
Quem, pois, tiver bens do mundo, e, vendo o seu irmão necessitado, lhe cerrar as suas entranhas, como estará nele o amor de Deus?
1 João 3:13-17
Nenhum homicida pode ter a vida eterna, tá escrito não tem como mudar, Judas até encontraria o perdão continuando vivo quem sabe, só DEUS sabe, mas ele preferiu se enforcar.
CONCLUSÃO GERAL
Vamos juntar tudo isso agora de que falamos vamos simplificar, se alguém pecar contra o Filho:
Portanto, eu vos digo: Todo o pecado e blasfêmia se perdoará aos homens; mas a blasfêmia contra o Espírito não será perdoada aos homens.
E, se qualquer disser alguma palavra contra o Filho do homem, ser-lhe-á perdoado; mas, se alguém falar contra o Espírito Santo, não lhe será perdoado, nem neste século nem no futuro.
Mateus 12:31-32
Judas já tinha consigo entregar o Senhor Jesus,  só esperava a hora certa e o momento exato, tinha tudo planejado, precisava  só de uma boa ocasião, festa da pascoa, 7 dias de festas, era a o momento certo, olhando de longe assim ele já havia deixado de acreditar em Cristo já a muito tempo, era o homem da bolsa do dinheiro que pagava as despesas etc.
Quando o Sr. Jesus assentado a mesa com todos ali os doze apóstolos inclusive Judas, aquela comemoração da pascoa (saída do povo de Israel do Egito) foi mudada, mudando os protocolos da festa o Sr. Jesus Cristo : E, chegada a hora, pôs-se à mesa, e com ele os doze apóstolos.
E disse-lhes: Desejei muito comer convosco esta páscoa, antes que padeça;
Porque vos digo que não a comerei mais até que ela se cumpra no reino de Deus.
E, tomando o cálice, e havendo dado graças, disse: Tomai-o, e reparti-o entre vós;
Porque vos digo que já não beberei do fruto da vide, até que venha o reino de Deus.
E, tomando o pão, e havendo dado graças, partiu-o, e deu-lho, dizendo: Isto é o meu corpo, que por vós é dado; fazei isto em memória de mim.
Semelhantemente, tomou o cálice, depois da ceia, dizendo: Este cálice é o novo testamento no meu sangue, que é derramado por vós.
Mas eis que a mão do que me trai está comigo à mesa.
E, na verdade, o Filho do homem vai segundo o que está determinado; mas ai daquele homem por quem é traído!
Lucas 22:14-22
Deixou de ser a pascoa, foi a primeira santa ceia, e Ele pediu fazei isso em memoria de Mim, se lembre de tudo isso, nunca se esqueça desse sofrimento, nunca se esqueça desse vitupério, nunca se esqueça do que Eu to fazendo, do que eu vou passar, mas é preciso para que tenhais a vida eterna.
Uma festinha de comemoração, virou algo diferente ali Jesus Crista estava assinando o novo testamento com seu sangue, a principio ninguém entendeu tudo aquilo, foi como uma transição rápida, é mas foi isso mesmo, no momento da passagem de testamento quem esta na mesa? Isso Judas, com a mesma intenção com o mesmo pensamento, tomado pelo contrario agora já da pra ver mais nítido, é, o inferno precisava de um representante lá na mesa da assinatura do novo testamento.
Bom os primeiros cristão tiveram problemas e não entendiam como realizar este santo serviço, mas o apóstolo Paulo orientou a igreja de corinto, explicando que aquele era um serviço divino, não uma festa e quem participasse indignamente participaria para sua própria condenação:
Porque eu recebi do Senhor o que também vos ensinei: que o Senhor Jesus, na noite em que foi traído, tomou o pão;
E, tendo dado graças, o partiu e disse: Tomai, comei; isto é o meu corpo que é partido por vós; fazei isto em memória de mim.
Semelhantemente também, depois de cear, tomou o cálice, dizendo: Este cálice é o novo testamento no meu sangue; fazei isto, todas as vezes que beberdes, em memória de mim.
Porque todas as vezes que comerdes este pão e beberdes este cálice anunciais a morte do Senhor, até que venha.
Portanto, qualquer que comer este pão, ou beber o cálice do Senhor indignamente, será culpado do corpo e do sangue do Senhor.
Examine-se, pois, o homem a si mesmo, e assim coma deste pão e beba deste cálice.
Porque o que come e bebe indignamente, come e bebe para sua própria condenação, não discernindo o corpo do Senhor.
1 Coríntios 11:23-29
Agora amigo imagina isso no dia da transição, era Jesus que estava ali ainda num corpo normal como o nosso, falando com os discípulos tomai e o Meu sangue que é derramado por todos, comei é o meu corpo, que partido por vós.
Judas não deu a mínima pra isso, continuou seu intento, mas vamos ver o que acontece quando alguém pisa no sangue santo derramado do novo testamento:
Mas, vindo Cristo, o sumo sacerdote dos bens futuros, por um maior e mais perfeito tabernáculo, não feito por mãos, isto é, não desta criação,
Nem por sangue de bodes e bezerros, mas por seu próprio sangue, entrou uma vez no santuário, havendo efetuado uma eterna redenção.
Porque, se o sangue dos touros e bodes, e a cinza de uma novilha esparzida sobre os imundos, os santifica, quanto à purificação da carne,
Quanto mais o sangue de Cristo, que pelo Espírito eterno se ofereceu a si mesmo imaculado a Deus, purificará as vossas consciências das obras mortas, para servirdes ao Deus vivo?
E por isso é Mediador de um novo testamento, para que, intervindo a morte para remissão das transgressões que havia debaixo do primeiro testamento, os chamados recebam a promessa da herança eterna.
Porque onde há testamento, é necessário que intervenha a morte do testador.
Porque um testamento tem força onde houve morte; ou terá ele algum valor enquanto o testador vive?
Hebreus 9:11-17
Porque, se pecarmos voluntariamente, depois de termos recebido o conhecimento da verdade, já não resta mais sacrifício pelos pecados,
Mas uma certa expectação horrível de juízo, e ardor de fogo, que há de devorar os adversários.
Quebrantando alguém a lei de Moisés, morre sem misericórdia, só pela palavra de duas ou três testemunhas.
De quanto maior castigo cuidais vós será julgado merecedor aquele que pisar o Filho de Deus, e tiver por profano o sangue da aliança com que foi santificado, e fizer agravo ao Espírito da graça?
Porque bem conhecemos aquele que disse: Minha é a vingança, eu darei a recompensa, diz o Senhor. E outra vez: O Senhor julgará o seu povo.
Horrenda coisa é cair nas mãos do Deus vivo.
Lembrai-vos, porém, dos dias passados, em que, depois de serdes iluminados, suportastes grande combate de aflições.
Hebreus 10:26-32
Foi isso que Judas sentiu naquele momento em que se arrependeu, vamos dizer assim, quando o contrário o deixou ele voltando digamos assim de um sonho viu o que tinha feito, aquelas moedas queimavam na sua mão, ele não conseguia segura-las, jogou nos pés do sacerdote e estes não tiveram coragem de jogar nas ofertas porque era preço de sangue, mas Judas ainda tinha a expectação de horror de destruição de juízo, horrenda coisa é cair nas mão do DEUS vivo, ele não quis ver isso, não tinha forças para encarar de frente a DEUS, e por isso tirou sua própria vida.
Meus caros amigos a traição tem um preço muito amargo, depois de tudo isso, alguma coisinha nós aprendemos.
Ninguém condenou Judas ele, ele mesmo se condenou.
Ele fez sua escolha e você já fizeram a sua, barrabas ou o Sr. Jesus Cristo, escolha certo, aprenda a escolha certa em tudo na sua vida, você pode escolher DEUS te deixou isso, só não se esqueça do preço se a sua escolha for a errada...
DEUS o abençoe muito, mas muito mesmo.
Compartilhe, comente, mostre aos outros, fala alguma coisa, discorde, concorde......


Nenhum comentário:

Postar um comentário

deixe o seu comentário, a sua opinião é muito importante para nós.